• La Niña pode trazer novas altas para a arroba no RS


    O mercado físico de boi gordo teve um dia de muita lentidão nesta quarta-feira, dia 27, com preços estáveis. As festas de fim de ano afastou o pecuarista dos negócios e diminuiu a disponibilidade de animais terminados no mercado. 

    Por outro lado, a maioria dos frigoríficos está com as escalas de abates fechadas para o final da próxima semana e aguardam o comportamento da demanda no início de 2018, diminuindo o “apetite” do lado das compras.

    Entre as regiões que apresentaram valorização, o destaque ficou para o Rio Grande do Sul onde a falta de chuva vem colaborando para a redução no número de animais terminados. 

    Vale destacar que a presença do fenômeno La Niña no país, poderá resultar em redução no volume de chuvas na região Sul nos próximos meses e isso poderá dar firmeza para o mercado do boi gordo no curto prazo.

    Já o mercado atacadista teve preços estáveis. A tendência até o final da semana ainda é de preços mais altos diante de uma rápida reposição entre atacado e varejo. (Canal Rural)

    Boi gordo no mercado físico - R$ por arroba
    • Araçatuba (SP): 146,50
    • Belo Horizonte (MG): 144,50
    • Goiânia (GO): 141,50
    • Dourados (MS): 132,50
    • Mato Grosso: 126,00-131,00
    • Marabá (PA): 134,00
    • Rio Grande do Sul (oeste): 4,75 (kg)
    • Paraná (noroeste): 139,00
    • Tocantins (norte): 137,00
    Fonte: Safras & Mercado e Scot Consultoria
  • You might also like

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário