• Pesquisador explica importância do cultivo da palma forrageira, para Semiárido no período da seca

    O engenheiro agrônomo e técnico da Emater de Minas Gerais, Osvaldo Eleutério de Sousa, fala com o Brasil Rural, nesta quarta-feira (13), sobre a importância e os cuidados na adubação para garantir a melhor qualidade da palma forrageira como alimento no período da seca.
    A cactácea pode ser usada não só para alimentar os bovinos, mas também os suinos, as galinhas e até mesmo os humanos, como verdura.
    A palma vem a ser uma suplementação alimentar justamente para esse período de estiagem. Isso porque ela é uma cactácea bastante tolerante à falta de chuva, em ano de pouca precipitação. Ela é originária do deserto do México. Então ela tolera bem a seca.", esclarece o pesquisador. 
    O engenheiro explica ainda que, pela sua tolerância ao clima seco, a palma forrageira pode ser plantada em qualquer época do ano, depois de deixar murchar por 15 dias, e exige como qualquer lavoura, uma adubação para melhor aproveitamento.
    Brasil Rural vai ao ar, de segunda a sexta-feira, às 5h, pelas rádios Nacional AM Brasília e Nacional AM Rio; sábado, às 5h, pela Rádio Nacional do Alto Solimões e, às 7h, pelas rádios Nacional AM Brasília e Nacional da Amazônia.
  • You might also like

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário